Gordura faz mal?

Por muito tempo as gorduras foram as culpadas pelo ganho de peso e até por problemas cardiovasculares.

A importância da gordura no funcionamento do organismo é indiscutível, você sabia que se uma pessoa restringir a gordura da sua alimentação, ela pode comprometer a produção de hormônios (no caso das mulheres até parar de menstruar), ter hipovitaminose por falta de absorção das vitaminas A, D, E e K, prejudicar o funcionamento da  tireóide  e também desregular o mecanismo de saciedade (a gordura é responsável por nos manter sem fome por mais tempo).

Ricos em gordura insaturada

Nozes, castanhas, frutas oleaginosas como o abacate, em peixes como o salmão, atum e sardinha (ricos em ômega 3), e os óleos de origem vegetal como azeite de oliva, linhaça, gergelim e amendoim.

Ricos em gordura saturada

Também é uma gordura essencial do metabolismo, sendo indispensável na produção dos hormônios sexuais (testosterona e estrogênio).

A gordura saturada está presente principalmente em alimentos origem animal e se encontra nas carnes, leites e seus derivados integrais.

Gordura trans

A gordura  trans (gordura vegetal hidrogenada) está presente em produtos industrializados como biscoitos recheados, margarinas, pipoca de microondas, salgadinhos e sorvetes. O consumo está relacionado a problemas cardiovasculares, diabetes, pressão alta, câncer e outras doenças.

SEM TERRORISMO!

Você pode sim consumir eventualmente os alimentos com gordura trans, desde que isso não faça parte da sua rotina alimentar.

Para viver ou emagrecer com saúde inclua na sua dieta alimentos ricos em gorduras sem exagerar. Esses alimentos dão sensação de saciedade, aliviam o estresse, enganam a vontade de comer doce e beliscar. Fique atento aos rótulos e ingredientes dos produtos e PRINCIPALMENTE procure uma nutricionista!

Por: Carolina C. Simon
Nutricionista
carolinasimon.co.uk
Tel. 07756 988 135

Compartilhe: