Vamos falar um pouco sobre a vida?

Sobre este movimento mágico, milagroso e sagrado que nos foi presenteado?  Corajosamente um dia, sua mãe “permitiu” que a sua vida fosse instalada dentro dela, e neste gesto de amor, ela disse “sim”, sim para o milagre começar a acontecer… O corpo desta mulher foi se preparando para te receber…  e a vida foi cuidadosamente organizando-se para você nascer… Finalmente o grande dia chegou!  O dia de que foi reservado pelo “Criador” para você receber o maior e o mais sagrado presente que até hoje você já ganhou: “ A sua Vida”. Então, te pergunto, o que você tem feito com este presente tão maravilhoso que ganhou? Ao fazer esta pergunta, gostaria de pedir para você fazer uma reflexão.

O que adianta ter uma Ferrari na garagem se você tem medo de usá-la? Medo de que aconteça um acidente, uma batida, ou até mesmo um pequeno arranhão na sua Ferrari? Para que ter uma Ferrari? No lugar da Ferrari coloque a sua vida. O que adianta você ter ganhado uma vida se tem medo de vivê-la?  Não vive, porque tem medo de arriscar, porque tem medo de errar, porque tem medo de se machucar, ou porque você acredita que nada vai dar certo. Pra que então ter uma Ferrari se não for usa-lá? Ter uma vida se não for para vive-lá?

Não importa se você não se vê como uma Ferrari, talvez, quando dei este exemplo, você tenha pensado… hum!!! eu estou parecendo mais um simples Fusquinha não uma Ferrari, isto não importa, o importante é valorizar o que você  possui, ou seja, a chance de estar vivo, e nada é maior do que sua Vida!

Este bem precioso que nós recebemos dos nossos pais é tão grande, tão caro, que nós nunca teremos condiçōes de pagar, porém, existe uma forma de pagarmos uma pequena parcela desta grande dívida adquirida, e o melhor método para o pagamento é: VIVENDO.

Gostaria de propor um pequeno exercício de visualização: 

Imagine que você vive no alto de uma montanha, alí você instala a sua casa, e a paisagem que você tem a sua frente está toda queimada, não tem nada para apreciar, está tudo vazio, nada para olhar a não ser o que faltou.

O fato de não conseguir visualizar esse cenário conformando-se com o mesmo, os dias, meses e anos vão passando e você sempre olha para a mesma paisagem pensando somente no que faltou, mas você sabe que um dia teve beleza nesta paisagem, não sabe?   

Agora você decide andar um pouco para o outro lado desta montanha, chegando lá você se surpreende vendo cenários completamente diferentes, você consegue ver uma beleza que seus olhos se encantam ao contemplá-la e assim consegue agradecer tudo o que existe neste cenário pois não faltava nada, estava perfeito.
Então você pergunta: por que eu passei tanto tempo olhando o outro lado da montanha, por que eu não me movimentei antes para ver o que tinha do outro lado?

Por que será que passamos tanto tempo olhando somente para o que faltou na nossa vida, e não concentramos o nosso olhar para o lado cheio? Basta um movimento, uma mudança de olhar para entendermos que não nos faltou nada, que a vida que recebemos, é suficiente!

Enquanto permanecermos nos julgamentos e nas cobranças que a vida nos deu, perdemos nossa conexão  com a felicidade.  Quando reclamamos e julgamos estamos olhando para o lado da montanha queimada, e este é vazio, tendo essa atitude você não terá prosperidade. A cura para todos os nossos males somente acontecerá quando voltarmos o nosso olhar para a paisagem onde se encontra a beleza pela vida com profundo sentimento de gratidão.

Abra o seu coração pra começar ver a beleza que tem dentro de você. Faça uma conexão com o seu “eu” mais profundo e permita com que a força que está dentro de você revele todo o mistério que até hoje sozinho você não conseguiu entender. Esta força se instalou no seu ser desde o ato da sua concepção, ela caminha com você, ela te move e mostra a direção. Para que você se apodere desta força, é necessário voltar o seu olhar pra ela. Mais como faço para olhar para essa força? Simples!!! “pare” com os “ah mas se…”, “meu pai foi…mas eu não tive isto”, “mas minha mãe não fez isso”,  “meus pais eram difíceis”… Tudo isto é VAZIO!! olhando assim não tem cura, olhe para a VIDA como um lado CHEIO, sendo sim a Cura se fará presente.

Todos nos queremos amar, prosperar, ter bom emprego, ser feliz… Conecte-se com suas raízes “Pai e Mãe” seja grato, honre-os independentemente de você tê-los conhecido ou não, se eles não tiveram condições para cria-lo ou não e etc… nada disso importa, a única coisa que importa é a vida que eles te deram.

Neste momento, lendo este artigo você esta vivo, e esta vida você deve a dois seres sagrados: seus pais! Tomando esta decisão de olhar para dentro de si, todos os questionamentos e julgamentos acabam e no lugar de vírgulas se põe um Ponto Final. 

Com esta decisão de olhar para sua vida com amor, com força, você pode chegar longe.  O que antes era um mistério pode agora se revelar e com muita leveza tudo dentro de você pode se transformar… Abra o seu coração, você vai ver que no fundo sempre teve tudo na vida e teve muito mais motivos para agradecer do que reclamar.

Não se perca no meio de uma paisagem que não tem nada para ser visto!

Por: CLARICE BOMBA
Assistente social, Access bars, Especialista  em eneagrama, Facilitadora de constelação familiar
clariceconstelacao@gmail.com
Tel. 079 7919 9232

Compartilhe: