London
09 Dec, Monday
9° C
TOP
Image Alt

Revista Brasil Na Mão - O Verdadeiro Guia dos Brasileiros no Reino Unido

Nossa Capa – Mamãe Giuliana Moussato Gegembauer e seu bebê Eric

Mãe de quantos filhos?
Eu tenho dois filhos, o mais velho tem 15 anos e se chama Kevin, e o Eric com 6 meses de idade.

Como mulher e mãe, você se sente realizada? É feliz com os filhos que tem?
Já me sentia feliz sendo mãe de filho úni- co, foi assim durante 15 anos, mas sempre sonhei ter outro filho. E então agora, com a vinda do pequeno Eric, posso dizer que sou uma mãe completa e como mulher me sinto 100% realizada.

O que você pensa da sua mãe, agora que é mãe também? o que diria pra sua mãe?
Passei a dar muito mais valor a minha mãe, depois que me tornei mãe. Enxerguei que ser mãe é assim mesmo. Mãe da bronca, mãe fala, mãe briga, chama a atenção, mas elas também tem excesso de amor
e de cuidados… Sabemos que no final das contas o que elas querem mesmo é somente o nosso bem.
O que eu poderia dizer a minha mãe… “obrigada por me dizer não, hoje sei, que os seus “nãos” me tornaram a mulher que sou hoje, íntegra e de caráter”!

Na sua opinião o que é ser uma boa mãe?
Eu penso que ser uma boa mãe é adotar atitudes positivas com relação aos seus filhos, é demostrar orgulho deles, ser solidária, manter sempre o diálogo em dia, pois somente com o diálogo você poderá entender os desejos, as necessidades e as alegrias de seu filho. Não ser autoritária demais, ser compreensiva e tolerante.

O que você acha como mãe, educadora, da educação na Inglaterra?
O sistema público de ensino aqui é muito bom. Muito a frente do brasileiro. Além de um acompan- hamento muito próximo aos pais, a comunicação foi algo que nos surpreendeu. Quando por exemplo nosso filho se atrasa para a escola, imediatamente recebemos uma mensagem de texto no celular informando que ele esta atrasado. Outra vantagem é o fato de as vagas nas universidades serem conce- didas com base no currículo do estudante e não na performance em uma única prova, como o vestibu- lar do Brasil. Com base nisto, acredito sim que meus filhos terão muito mais oportunidades estudando e se formando aqui na Inglaterra.

Sabemos que nos dias de hoje muitas mães não tem tempo para si mesma, envolvidas com casa, filhos, trabalhos etc. que dica você daria para melhor curtir os pequeninos em meio a esta correria londrina?
Existem várias maneiras, mesmo na correria do dia a dia, por exemplo, ler uma historinha pra ele antes de ir pra cama, ou acordar uns minutinhos mais cedo, só pra assistir aquele desenho favorito dele. Ou então jogar com ele algum joguinho de sua preferência, seja um vídeo game ou até mesmo um joguinho destes modernos que temos em nossos celulares, fazer um desenho a mão livre com eles. Estas são algumas dicas de muitas outras que a gente pode inventar para poder curtir com os nos- sos pequenos.

Deixe 5 dicas que você considera importantes para as mamães de primeira viajem?
1) Não entre em pânico! Ser mãe é um aspecto inato e intuitivo. Na dúvida siga seus instintos. Não há ninguém no mundo que vai saber melhor que você o que é melhor para seu filho.

2) Brinque e ria muito com seu pequeno. Esses momentos simples e singelos serão as melhores memórias no seu futuro e no futuro do seu filho.

3) Seja a melhor amiga do seu filho.

4) Saiba ouvir.

5) Saiba dizer não.