Celulite: saiba o que pode prevenir e combatê-la

Celulite nada mais é que o depósito de gordura sob a pele. Ela afeta cerca de 95% das mulheres após a puberdade,  é menos evidente em homens, afeta mulheres de todas as etnias e é mais comum entre as de pele branca.

Em geral, a área afetada pela celulite fica com um aspecto ondulado,  tipo “casca de laranja”, marca em roupas claras, muitas vezes deixa a mulherada até com vergonha de usar biquíni.

Segundo a sociedade brasileira de dermatologia, a celulite tende a ocorrer nas áreas onde a gordura está sob a influência do estrógeno (hormônio feminino), como nos quadris, coxas e nádegas; também pode ser observada nas mamas, parte inferior do abdome, braços e nuca – curiosamente áreas em que é observado o padrão feminino de deposição de gordura. A obesidade não é condição necessária para a sua existência; há mulheres magras com celulite.

A fisioterapeuta Ludgera Romor-Henes afirma que existem diversos tipos de tratamento para celulite disponíveis hoje no mercado mas que nem todos tem o efeito esperado e que muitas vezes os custos elevados são desproporcionais aos resultados possíveis, justamente pela celulite ter uma causa multifatorial. “O ideal é que se tenha um acompanhamento multidisciplinar em relação ao acompanhamento e tratamento da celulite, nenhum tratamento sozinho irá resolver o problema, já que a causa não é uma só, mas algumas atitudes já podem ser tomadas em casa hoje mesmo. Aumentar a ingestão de água, sair do sedentarismo, parar de fumar, manter uma dieta adequada, são algumas coisas que se podem fazer agora. Além de tudo isso, existem tratamentos como a eletrolipólise que auxilia muito a redução de gordura localizada(uma das causas da celulite) e a endermologia que melhora a circulação e au-xilia a uniformizar o aspecto de ”casca de laranja” que a celulite deixa na pele.”

De acordo com a terapeuta manual Luciane Alberto, exer-cício físico por aumentar o batimento cardíaco, provoca um aumento na circulação sanguínea no corpo todo, o que auxilia na redução dos processos inflamatórios das células de gordura, bem como auxilia no retorno linfático, reduzindo também o inchaço nas pernas que ocorrem frequentemente em pessoas sedentárias, principalmente mulheres – por questões hormonais.

Além do fator estético, exercício físico é importante para a saúde geral de pessoas de todas as idades, melhorando a coordenação motora, capacidade cardiorrespiratória, oxigenando mais o cérebro, equi-libra as questões hormonais entre várias outras vantagens.

E ai, está esperando o que para começar a se mexer de verdade e diminuir a celulite? Na Tower Hill Clinic você encontra todos os profissionais necessários para te auxiliar no combate à celulite.

A causa da celulite é  multifatorial, ou seja, não tem uma causa específica, citaremos algumas abaixo:

  • Sexo feminino
  • Caucasianos(pele branca)
  • Biotipo corporal
  • Distribuição de gordura
  • Sedentarismo
  • Uso de anticoncepcional/alterações hormonais
  • Má alimentação (dieta com muito sal,  muito açúcar, rica em carboidratos)
  • Problemas circulatórios
  • Consumo excessivo de álcool
  • Beber pouca água
  • Estresse
  • Fumo

Ludgera Romor-Henes é fisioterapeuta e Luciane Alberto é Terapeuta Manual, e fazem parte da equipe da Tower Hill Clinic, clínica multidisciplinar de saúde e estética situada na zona central de Londres.

TOWER HILL CLINIC
Clínica multidisciplinar de saúde e estética.
www.towerhillclinic.com
info@towerhillclinic.com
Tel. 02031467294

Compartilhe: